terça-feira, 13 de março de 2007

TIRA-TEMA

O tema desse poema
Juro ser diferente
Não falo de vida ou morte
Não falo de bicho nem gente

Não falo de fatos da vida
Não falo de amor ou paixão
Não falo de dor ou ferida
Não falo de nenhuma emoção


Não falo do mar ou da lua
Não falo do tempo passado
Não falo de praça ou rua
Não falo do nó amarrado


Não falo da infância ou futuro
Não falo de pedra ou de flor
Não falo de horizonte ou muro
Não falo de cheiro ou sabor


Não falo de juras ou crenças
Nem de mim nem de ninguém
Não falo de cura ou doenças
Não falo de mal ou de bem


Não falo nada além do que do tema
Desse niilismo em poema

Um comentário:

Pedro disse...

higiene-se voltando em grande style